O autor do Carbono 14

Quis ser jogador de futebol, de campo mesmo! Marquei meu primeiro gol no dia 10 de março de 1988 (nunca houve um segundo). Infelizmente, não reconheceram meu talento.
Depois, tentei o volei. Jogava direto, mas não deu muito certo.

Aí, fui ser ator e finalmente reconheceram meu talento. Ganhei até prêmio! Porém, achei melhor não continuar... Eu seria muito famoso... não ía ser legal.

Dediquei-me a música, um garoto prodígio! Tocava de tudo, uma coisa bonita de se ver! (Ah, e de se escutar também). Mas deixei pra lá.

O que eu nunca quis e o que eu nunca pensei em ser: Professor de História.
Trabalhei em escolas públicas e particulares e na faculdade de História lá da minha terra.
Concluí meu mestrado em 2011 e o doutorado em 2016. 
Conhecimento guardado não serve pra nada. Que tal dividirmos juntos?